" "

"Quando a escola progride, tudo progride!". (Martinho Lutero).

segunda-feira, 8 de março de 2010

Tu


Tu lutas e resistes,
Tu corres e suas,
Tu cais e levantas,
De novo, de pé!

E se te calas, algo dizes;
É que teus olhos falam aos ouvidos,
Ouvidos da alma de quem alma tem.

Tu dormes,
Tu sonhas;
Sonho diferente...
Vai ser diferente amanhã de manhã?

E se te calas, algo dizes;
É que teus olhos falam aos ouvidos,
Ouvidos da alma de quem alma tem.

Tu te vestes e te enfeitas,
Tu te aprontas para o amor.
Mas se ele não chega, não perdes o jeito,
O jeito de ser simplesmente tu!

E se te calas, algo dizes;
É que teus olhos falam aos ouvidos,
Ouvidos da alma de quem alma tem.

Teu nome é Mulher!

Humberto de Lima

Um comentário:

Max de Lima disse...

Muito bom poeta! Gosto da ideia de sinestesias!

Mais lidas na semana